Tendências da educação do futuro: entenda como sua instituição pode se preparar

Gestão Escolar

Ferramentas tecnológicas, realidade aumentada, gamificação e flexibilidade para estudar onde e quando quiser. Essas são algumas das principais tendências da educação do futuro. Confira essas e outras análises agora! 📑

Tempo aproximado de leitura: 7 – 10 minutos

Introdução

O impacto social e econômico da covid-19, sem precedentes na história recente, impôs a todos nós uma enorme incerteza e ansiedade pelo fim desse cenário. Entretanto, apesar do nosso conhecimento sobre as curvas epidemiológicas indicar que no médio prazo a epidemia em si fará parte do nosso passado, entendemos que muitas de suas transformações não irão retroceder com o fim da pandemia. 

Justamente por isso, resolvemos compartilhar com você e a sua equipe, este conteúdo com algumas tendências da educação do futuro. Vamos juntos realizar essa análise? 

Boa leitura e ótimos insights!

Inferências sobre o cenário educacional

Em resumo, o desafio é analisar quantas das mudanças ocorridas no cenário educacional foram paliativas e passageiras e quantas irão perdurar.

Quando consideramos os impactos da transformação digital, observamos que muitas mudanças tendem a ocorrer em diversas esferas da educação, impondo transformações na forma de atuar das instituições de ensino.

Quando consideramos como pode ser a nova face da educação, bem como a melhor forma de aprendizagem, fica claro que muitas mudanças ocorridas representam uma oportunidade de rever paradigmas que vigoram há muito tempo.

A nova dinâmica imposta pela evolução digital dentro e fora da sala de aula estimula a aprendizagem assíncrona. Essa, por sua vez, está emergindo como uma abordagem popular entre os alunos e docentes. Nessa forma de aprendizagem, o professor incentiva os alunos a desenvolverem as atividades em seu próprio ritmo, por meio de pesquisas e/ou parceria com colegas de classe, por exemplo.

💡 Dessa maneira, o que fazer para se adaptar? Quais as tendências da educação do futuro? Quais serão os principais desafios e transformações?

É evidente a inviabilidade de traçar detalhadamente o que irá ocorrer. Contudo, em razão dos acontecimentos já observados no cenário da educação mundial, podemos inferir algumas perspectivas básicas para a educação do futuro. Continue lendo este conteúdo para conhecê-las! 

📣 Material complementar: E-book Combate à evasão de alunos: entenda como estruturar processos efetivos e sustentáveis

9 tendências da educação do futuro que você precisa considerar no presente

1. Impulsionamento da transformação digital dentro e fora da sala de aula  

Na nova era do aprendizado, a tecnologia exerce um papel ímpar nos processos de ensino-aprendizagem. Assim, é cada vez mais importante para os alunos e instituições de ensino estarem em contato com tecnologias que os forneçam bases para uma atuação mais completa. 

Para professores, as ferramentas tecnológicas na educação são capazes de auxiliar no processo de ensino, aperfeiçoando o entendimento e tornando a experiência do ensinar ainda mais completa. 

No entanto, no que tange os alunos, percebemos que as tecnologias ditam o mundo moderno e no mercado de trabalho não é diferente. Desse modo, é cada vez mais crescente a demanda por profissionais que saibam lidar com tecnologias e as utilizam para tornar o seu dia a dia mais produtivo e dinâmico. 

💡 Vou deixar aqui um conteúdo no qual detalhamos mais sobre os impactos gerados pela tecnologia nas IEs, não deixe de conferi-lo, clicando aqui!

 

2. Tendências da educação do futuro: Gamificação

A utilização de jogos nos processos de ensino e aprendizagem tem se tornado uma prática comum nas instituições de ensino. Conhecido como gamificação, esse processo é uma excelente estratégia para despertar o interesse do aluno, aumentar a sua participação, desenvolver criatividade e autonomia, promover diálogo e resolver situações-problema.

Por isso, além de explorar jogos educativos em sala de aula, a gamificação também pode ser aplicada em tarefas comuns do dia a dia escolar. Por isso, pode-se utilizar o conceito de fases ao se referir à progressão do desenvolvimento de habilidades, tornando tudo muito mais autêntico e divertido.

😃 Em nosso conteúdo detalhado sobre o tema, te apresentamos dicas de como aplicar a gamificação na educação, uma forma de inovar e tornar o processo de aprendizagem mais atrativo. Acesse-o:

3. Realidade aumentada

A realidade aumentada permite ver o ambiente da vida real bem à nossa frente com um aumento digital sobreposto. 

Quando aplicada em sala de aula pode ser extraordinária e mais interativa, pois a realidade aumentada permite que os professores mostrem exemplos virtuais de conceitos e adicionem elementos de jogo para fornecer suporte ao material didático. Em suma, isso permitirá que os alunos aprendam mais rápido e assimilem com mais facilidade as informações.

Aliás, vou deixar aqui um conteúdo complementar que pode ser fonte de mais insights para você!

4. A educação do futuro: Metodologias ativas 

Em resumo, a aprendizagem ativa procura envolver a curiosidade natural dos alunos, em vez de simplesmente apresentar-lhes informações. Aliás, essa é a grande mudança proposta por esse tipo de metodologia: ao invés de envolver o aluno teoricamente no assunto, o docente trabalha a perspectiva de que “aqui está um problema para resolver” e os alunos se envolvem ativamente em sua resolução.

Dessa forma, as metodologias ativas extrapolam os limites da grade tradicional. Além disso, ela não divide o aprendizado em diferentes assuntos. Os tópicos são ensinados de uma maneira mais holística, se conectando e fazendo parte do mundo real.

Nesse novo tipo de espaço de aprendizagem, os alunos usam várias fontes de mídia simultaneamente. Ademais, eles sentam ao lado de pessoas de diferentes disciplinas que estão resolvendo problemas diferentes, sozinhos ou em grupos. Isso porque entende-se que a aprendizagem não deve ser um fluxo de informação unilateral, ela precisa oferecer suporte à interação aluno-aluno, professor-aluno e aluno-professor em tempo real. 

5. Ensino híbrido

Em síntese, o modelo tradicional de ensino está se adaptando às constantes transformações ocorridas no ambiente educacional. Dessa forma, a modalidade de ensino híbrido vem ganhando força e revolucionando a forma como as IEs ofertam toda a experiência do serviço educacional.

Sendo assim, o Ensino Híbrido ou Blended Learning é uma modalidade de ensino que une o ensino tradicional presencial, em que o processo ocorre em sala de aula, e o on-line, que utiliza as tecnologias digitais para promover o ensino.

📌 Aprofunde o seu conhecimento na modalidade de ensino híbrido. Leia um conteúdo exclusivo sobre o tema, clicando aqui!

 

6. Desenvolvimento de soft skills

Soft skills é um termo em inglês utilizado para se referir às habilidades emocionais, comportamentais e sociais dos indivíduos. Em síntese, são hábitos e traços pessoais que moldam a forma como a pessoa trabalha individualmente e em grupo. 

Contudo, com a pandemia, os profissionais precisaram se reinventar, inovar e se adaptar. Sendo assim, as empresas estão em busca de profissionais que excedam as expectativas e os limites do seu cargo. Aliás, alguns empregadores priorizam candidatos que tenham um conjunto mais forte de soft skills em vez de hard skills, pois as soft skills são mais difíceis de desenvolver.

Daí a importância de preparar o profissional desde a sua capacitação, como é o caso dos estudantes.

💡 Aproveite para se aprofundar nesse tema com o nosso conteúdo: 

7.Tendências da educação do futuro: Educação continuada

Também denominada “educação contínua” ou “Lifelong Education“, ela pratica e incentiva a constante atualização do indivíduo em todos os âmbitos de sua vida: tanto a profissional quanto a acadêmica e, até mesmo, a pessoal. 

A prática de educação contínua pode e deve ser explorada pelas instituições tanto como forma de aumentar o ticket médio – ao criar incentivos para que o aluno permaneça na IE mesmo após terminar o primeiro curso escolhido – quanto para as equipes que trabalham – ao incentivar o desenvolvimento dos times.

Em resumo: o Lifelong Education pode ser uma poderosa fonte de receita para a sua instituição de ensino!

Por isso, ao trabalhar a educação contínua, um dos objetivos é fazer com que o aluno fique tão satisfeito que queira continuar os estudos na instituição por já conhecê-la e confiar na qualidade dos seus serviços. 

Uma forma macro de visualizar essa situação é fazer com que aquele aluno que entrou na graduação, termine o seu curso superior e continue na instituição até a conclusão da pós-graduação ou do mestrado, por exemplo.

📢 Partindo desse pressuposto, alguns pontos são inerente à prática da educação continuada e, portanto, devem ser trabalhados pelas instituições de ensino, tais como:

  • Disponibilidade e oferta de cursos em diferentes modalidades e níveis de ensino;
  • Criação de incentivos, desde antes do aluno finalizar o primeiro curso escolhido, para que ele se sinta engajado em permanecer na instituição de ensino;
  • Oferta de descontos estratégicos na aquisição de cursos complementares e /ou adicionais;
  • Realização de pesquisas de satisfação para monitorar possíveis gargalos que irão impactar a satisfação do aluno impedindo-o de ficar após terminar a sua primeira escolha de  curso. 

🥇 Preparamos um guia completo 100% gratuito com dicas valiosas de como colocar em prática a educação continuada e utilizá-la para maximizar a receita  da sua instituição de ensino. Clique na imagem abaixo e garanta o seu agora mesmo!

8. Novo perfil do professor  

É inegável a necessidade dos docentes de se reinventarem. Isso porque, muito mais do que detentores de conhecimento, os professores exercem um papel essencial na formação humana dos estudantes, indo além de conteúdos expositivos e unidirecionais.

Ao se reinventarem, os professores deverão se atentar não somente aos métodos de ensino que mudarão significativamente, mas também a questões como o elo com os alunos e a adequação da tecnologia na forma de ensinar e aprender. 

É preciso, então, estar pronto para interagir com eficiência nos canais de comunicação que os alunos utilizam. Além disso, é preciso se tornar um agente facilitador, tanto na curadoria dos conteúdos quanto na aplicação do conhecimento. Dessa forma, a transformação digital está acelerando a transição do professor expositivo para o facilitador.

 

9. A tecnologia atuando como facilitadora da gestão educacional

A tecnologia aplicada à sala de aula significa suporte e facilidade na aprendizagem. Assim, será preciso rever o cenário das instituições de ensino como um todo. Em resumo, isso implica investir em uma estrutura tecnológica de qualidade na gestão educacional

Portanto, questões como matrícula e prova on-line tornam-se premissas básicas para a captação e a conversão de alunos. Aquelas IEs que resistirem a essa evolução tendem a ter um impacto direto na diminuição da captação e aumento das evasões.

Contar com uma plataforma de CRM focada no setor educacional e desenvolvida sob medida para atender as necessidades das instituições de ensino é uma das tendências mais emergentes quando o assunto é a maximização de resultados.

VÍDEO Plataforma Rubeus: o CRM educacional que sua instituição de ensino precisa

FACILIDADE DE PAGAMENTO:

Atrelado à facilidade de realização da prova deve estar a simplificação do processo de pagamento, seja de inscrição ou mensalidade. Em resumo: a ideia deve ser  tornar todo o processo fácil, rápido e integrado. 

VESTIBULAR DIGITAL:

O vestibular digital é uma forma de ingresso no ensino superior. Consiste, em resumo, na aplicação de uma prova virtual para definir se o candidato entrará ou não na instituição de ensino em questão.

MATRÍCULA ON-LINE:

Especificamente na matrícula on-line, ao investir em processos integrados e virtuais, a instituição de ensino garante diversos benefícios que englobam tanto os alunos quanto o desempenho dos times. 

Tudo para Captação e Permanência de alunos em uma única plataforma

🏆 Prepare-se para a educação do futuro com a Plataforma Rubeus: esteja pronto para captar e reter seus alunos de forma rápida, integrada e segura.

Somos o primeiro CRM educacional feito sob medida para as necessidades das instituições de ensino

Atuando sob as frentes de Marketing Educacional, Captação e Gestão da Permanência, já transformamos os resultados de centenas de instituições em todo o país. 

Clique na imagem abaixo e saiba mais sobre como a Plataforma Rubeus pode te ajudar!

Considerações finais

Chegamos ao final deste conteúdo! Espero que tenha sido útil para você. Fique à vontade para compartilhar esse conteúdo com a sua equipe para que, assim, vocês cresçam juntos e na mesma direção. 

😃 Quais Tendências da educação do futuro você vai trabalhar em sua instituição de ensino? Compartilhe conosco nos comentários. 

Você também pode gostar

https://www.linkedin.com/in/brauliovieira/

Para usar como referência acadêmica

Além de aprender com esse conteúdo, você pode usá-lo em seus trabalhos acadêmicos! Para te ajudar, preparei a forma correta que você deve referenciá-lo, confira: 

📌 Formato ABNT:

PAULA, Natália. D. Tendências da educação do futuro: entenda como se preparar. Rubeus, 2022. Disponível em: https://rubeus.com.br/blog/tendencias- da- educacao-do-futuro/. Acesso em: XXXX. de XXXX.

📌 Formato APA:

Rubeus. (data de publicação do art. 2022, 26 de outubro). Tendências da educação do futuro: entenda como se preparar. [Post da web]. Recuperado de https://rubeus.com.br/blog/tendencias- da- educacao-do-futuro/

1 Comentário. Deixe novo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu