Menos flores, mais igualdade!

Gestão Escolar

O Mês Internacional da Mulher, comemorado em março, pode ser um bom momento para despertar a equipe e os alunos para a importância da igualdade entre homens e mulheres para o desenvolvimento da humanidade

Por milênios, as mulheres receberam tratamento diferente no mundo dominado pelos homens. Nem por isso deixaram de realizar grandes conquistas para o desenvolvimento da humanidade.

Dos estudos sobre radioatividade ao projeto Apolo que levou o homem a pisar na Lua; do primeiro vôo sobre o Oceano Atlântico às guerras contra as tropas portuguesas que resistiam em aceitar a independência do Brasil, a história está cheia de mulheres que deixaram sua marca na humanidade. Mesmo num tempo em que a sociedade não lhes dava espaço para brilhar.

No mês em que se comemora internacionalmente a importância da mulher, um bom projeto pedagógico pode reunir professores de diferentes áreas do conhecimento em torno de um tema: como seria o mundo sem mulheres?

Você já parou para pensar nisso?

É uma provocação que, se bem conduzida, pode gerar excelentes projetos pedagógicos para despertar nos alunos, em suas famílias e nos próprios funcionários a consciência sobre a importância de construir uma sociedade mais justa, onde homens e mulheres possam desfrutar de igualdade plena nas relações sociais, pessoais e profissionais.

Afinal, flores são ótimas e todos nós as adoramos. Mas elas duram apenas alguns dias. Já uma sociedade igualitária é para sempre! E nós, educadores, podemos ajudar a construi-la!

9 Comentários. Deixe novo

  • Célia Cristina da Silva Moura
    02/04/2020 20:49

    Um projeto que envolve discussões com esse tema, é muito importante nos dias atuais para concientizar os alunos desde de cedo, a valorizar nós mulheres. Pois muitas de nós, ainda sofrem com as diferenças nas relações sociais, pessoais e profissionais.

    Responder
  • valeenice ramos martins dotto
    03/04/2020 12:15

    Amei o texto e apoio esse projeto de igualdade de gêneros, pois nós mulheres temos capacidade de desbravar esse mundão, basta nos darem oportunidades.

    Responder
  • Flávia Regina Diogo de Paula
    03/04/2020 15:37

    O papel da escola sempre será provocativo à reflexões, em qualquer tema que se aborde. Fazer discussões sobre o papel das mulheres na sociedade vai além. Necessário, pertinente, indispensável e deve ocorrer durante todo o ano letivo em atitudes simples também. Nada de divisões sexistas: meninas x meninos; fila de meninos e fila de meninas; as meninas na frente depois os meninos… há de se intervir sempre no respeito ao ser humano, independentemente de seu gênero.

    Responder
  • Lindinalva Cabral
    06/04/2020 17:10

    Concordo com você, Flávia!! São nas pequenas ações que mostramos de fato a igualdade de gênero! Educamos pelo exemplo e muitas vezes falamos tanto da importância da mulher para a sociedade mas nos colocamos em posição de frágil e de seres dependentes do sexo oposto.
    Precisamos exemplificar com história de mulheres que, ao longo da história, assumiram o papel de heroína e fizeram história com seus grandes feitos.precisamos mostrar para nossos filhos e alunos que uma sociedade igualitária se constrói com respeito ao ser humano independente de ser homem ou mulher!

    Responder
  • Lindinalva Cabral
    06/04/2020 17:11

    São nas pequenas ações que mostramos de fato a igualdade de gênero! Educamos pelo exemplo e muitas vezes falamos tanto da importância da mulher para a sociedade mas nos colocamos em posição de frágil e de seres dependentes do sexo oposto.
    Precisamos exemplificar com história de mulheres que, ao longo da história, assumiram o papel de heroína e fizeram história com seus grandes feitos.precisamos mostrar para nossos filhos e alunos que uma sociedade igualitária se constrói com respeito ao ser humano independente de ser homem ou mulher!

    Responder
  • Gisele Cristiane Alves de Oliveira
    28/04/2020 23:30

    Amei a reflexão, enquanto educadores temos que desenvolver esses conceitos em nossos alunos

    Responder
  • COARACI CORA OLIVEIRA DA CUNHA
    19/05/2020 02:03

    Sim, trabalhar a igualdade na escola é de grande valia, pois não importa ser homem ou mulher, ambos são guiados pela inteligência cósmica, e tem suas virtudes, porém, para que sejam notadas, é necessário o trabalho em grupo, ou seja, os homens precisam aprender a trabalhar em grupo, prol à humanidade desde criança. para que melhore o convívio da humanidade.

    Responder
  • Alexandra Gonçalves
    27/05/2020 16:34

    O texto é bem interessante, e concordo com uma citação acima, que é nas pequenas atitudes do dia a dia que podemos tornar mais igualitárias as situações ainda digo mais, há necessidade de mais cursos sobre o assunto, pois estamos acostumados com uma sociedade desigual, e acabamos tendo atitudes erradas, mesmo sem querer ou pensar, a reflexão do tema é super importante.

    Responder
  • Helena Dandara
    10/09/2020 18:21

    Sim. Um dos papeis da escola deve ser o provocativo para levar a reflexões do porquê de tantas desigualdades e discriminações e o tema: Divisão sexual do trabalho, também não foge a regra. É fundamental fomentar a discussão da equidade de gênero, raça e classe.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu