Como usar as redes sociais com os alunos?

Gestão Escolar

Como usar as redes sociais com os alunos?

Tradicionalmente, a sala de aula é o primeiro espaço de convívio social da criança longe da família. Desde o advento da internet, as redes sociais se tornaram o segundo espaço.

Depois da sala de aula, é nas redes sociais que os alunos e alunas passam grande parte de seus dias. Dessa forma, elas se transformaram no principal canal de comunicação da atual geração.

Então, como você, professor ou professora, pode usar isso no seu dia a dia em sala de aula?

As redes sociais podem ser grandes aliadas no processo de aprendizagem, principalmente se você souber usá-las para tornar suas aulas mais dinâmicas e interativas.

Redes sociais e os alunos

Segundo a mais recente pesquisa TIC Kids Online Brasil, publicada em 2020, 82% das crianças e jovens brasileiros com acesso à internet relataram ter e fazer uso de contas em redes sociais.

As redes mais acessadas por essa população de 10 a 17 anos ainda são o WhatsApp (86%) e o Facebook (61%). 

A pesquisa detectou, porém, um crescimento expressivo no uso do Instagram (35%) e do TikTok (27%).

Sobre a manutenção de perfis, 64% das crianças e jovens declararam ter conta no Instagram (eram 45% em 2018) e 46% declararam ter conta no TikTok (foi a primeira vez que essa rede surgiu na pesquisa).

Essas duas redes têm, como principal característica, o uso de imagens e vídeos curtos como principal ferramenta de comunicação.

Redes sociais: aliadas ou rivais?

Essa é uma confusão comum em muitas escolas, visto que o interesse dos alunos pelo uso de redes sociais é visto como um rival da aprendizagem.

Mas será que precisa ser assim? 

Ou será que o professor e a professora, em sala de aula, podem canalizar esse interesse?  As redes sociais podem ajudar a desenvolver a prática pedagógica e gerar mais aprendizagem?

Professores e a interação com alunos

Existem relatos de escolas em que as direções proibiram os professores e professoras de manter contato com alunos e alunas nas redes sociais.

Essa medida seria uma forma de evitar confusão entre a vida pessoal e a atuação profissional de educadores e estudantes.

No entanto, felizmente, esse conceito está em revisão. 

Educadores e educadoras podem ter perfis profissionais na internet para ficarem em contato com seus alunos. Igualmente, os perfis pessoais de professores e professoras podem ser privados, apenas para seus amigos e familiares.

A grande vantagem desse contato nas redes é entender, a partir do que os seus alunos e alunas postam, quais são os interesses deles e delas e como isso pode ser usado em sala de aula para apresentar os conteúdos do componente curricular que você leciona.

Dicas para usar as redes sociais com os alunos

Confira a seguir 7 dicas para você aproveitar o poder das redes sociais em benefício da aprendizagem dos alunos:

  1. A página da turma – Crie no Facebook uma página privada para ser usada como um fórum dos alunos e alunas. Assim, você pode postar conteúdos complementares, links para vídeos educativos, materiais para tirar dúvidas e estimular a troca entre os alunos para realizar tarefas e comentar sobre aulas. Da mesma forma, a ideia também pode funcionar com um grupo no WhatsApp.
  2. Calendário Virtual – No próprio Facebook, por meio da ferramenta Eventos, ou no calendário do Google, é possível criar um calendário virtual com datas de entregas de trabalhos, tarefas e provas. Isso vai facilitar o cumprimento de datas pela turma.
  3. Discussões virtuais – Use plataformas como o Zoom ou o Google Meets para promover debates virtuais sobre temas de interesse dos alunos. É um espaço que pode ficar à disposição deles no contraturno escolar.
  4. Compartilhe conteúdo extra – Vídeos, trechos de músicas, de filmes, notícias de portais, materiais multimídia… As opções de compartilhamento são quase ilimitadas. Aproveite os espaços dedicados em redes sociais como Facebook, WhatsApp e Telegram para esse compartilhamento.
  5. Pesquise os gostos dos alunos – As redes sociais são um excelente recurso para você investigar os assuntos e temas que têm chamado a atenção dos seus alunos e alunas e trazê-los para dentro da sala de aula.
  6. Crie posts no Instagram – Publique imagens com os pontos principais da aula do dia, como se fosse um fichamento. Publique diariamente no Instagram para seus alunos e alunas relembrarem o que foi ensinado em sala de aula
  7. Faça vídeos no TikTok – Sabe aquele conteúdo mais complicado de passar? Crie um vídeo curto com a explicação dele no TikTok e compartilhe com seus alunos.

Atenção à idade da sua turma

Para finalizar, é sempre bom estar atento à idade da turma com que você trabalha antes de escolher as redes sociais que pretende usar. Algumas delas não são indicadas, nem permitem que crianças pequenas tenham contas.

Não se esqueça, também, de conversar com pais e mães sobre as propostas de uso das redes sociais nas aulas. Certifique-se de contar com o apoio das famílias e, também, de garantir que todos os estudantes tenham acesso às redes que você está propondo.

Para ver mais conteúdos como esse, continue em nosso blog!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu