Planeje melhor o fim de 2019 e o início de 2020

Gestão Escolar

Confira nossas dicas com tudo o que os gestores e professores precisam fazer antes de entrar no modo “Festas de Fim de Ano”

Aliás, mais um ano letivo se aproxima do final. As crianças se despedem, os pais respiram aliviados com a perspectiva das folgas de Natal e de Ano- Novo e os professores já começam a sentir aquela sensação de dever cumprido.

Mas, antes que docentes e gestores escolares possam relaxar, é preciso cumprir uma agenda razoavelmente cheia para planejar melhor o fim de 2019 e o início de 2020 e garantir que ambos sejam bem-sucedidos.

Acompanhe nossas dicas para um bom fim de ano e garanta um retorno melhor estruturado em 2020.

1. Avalie as atividades

Avaliar as atividades desenvolvidas ao longo do ano que termina é um passo fundamental para poder planejar o ano que vai começar. Preferencialmente, essa avaliação deve envolver toda a comunidade escolar. Ou seja, não se restrinja às opiniões dos professores que implementaram os projetos. Tente ouvir também os alunos, pais, mães, responsáveis e funcionários. Se não houver mais tempo para encontros com todos os envolvidos, você pode pensar em coletar esse feedback por meio de questionários. Esse diagnóstico será essencial para que gestores e professores possam estimular os pontos positivos e atuar sobre as fragilidades.

2. Documente os resultados no fim do ano

Os dados obtidos na avaliação, tanto com funcionários e professores, quanto com alunos e familiares, permitem que você monte uma documentação pedagógica detalhada, onde é possível visualizar o desenvolvimento individual dos alunos, ou o desempenho de cada uma das turmas. Ou seja, com esses documentos, a equipe pedagógica terá uma ferramenta poderosa de conhecimento da real situação dos alunos, o que lhe permitirá traçar um planejamento para atuar de forma efetiva, no ano que vai começar, sobre eventuais pontos críticos.

3. Revisite o Plano Pedagógico da escola

Mesmo as instituições mais consolidadas precisam, de tempos em tempos, revisitar seu Plano Pedagógico e analisá-lo à luz dos novos tempos. Porque, os dados da avaliação de projetos podem ajudar nesse olhar. Colete os dados, sente com a equipe de gestão pedagógica e analise se há espaço para mudanças.

4. Organize o conselho de classe para o fim do ano

Um amplo conselho de classe, com todos os docentes e gestores, pode ser uma ótima oportunidade para colher sugestões sobre os caminhos que a escola deve trilhar, e também sobre futuras ações que favoreçam a aprendizagem.

5. Encontre as famílias

A última reunião do ano com os pais e mães deve ser o momento em que a escola vai compartilhar com eles as conquistas de cada aluno. Aliás, ao gestor, cabe organizar um resumo do que foi realizado ao longo do ano, com abertura para ouvir sugestões e críticas das famílias. Porque essa abertura é importante para estimular a participação no dia a dia da escola. Ou seja, se você sentir necessidade de engajar as famílias na proposta pedagógica, organize uma festa ou mostra pedagógica para apresentar o que foi trabalhado ao longo do ano. É sempre um momento de muita emoção para os pais.

6. Organize as finanças no fim do ano

Além de se preocupar com o desenvolvimento pedagógico, o gestor muitas vezes precisa também fazer uma revisão da situação financeira da escola e fechar o planejamento orçamentário. Porque esse orçamento, que já deve ter sido estruturado ao longo do segundo semestre, pode passar por pequenos ajustes para sanar fragilidades a partir da radiografia pedagógica feita em conjunto com os docentes.

7. Verifique o espaço

Finalmente, antes de fechar a escola para as festas, o gestor pode fazer uma vistoria estrutural identificando e agendando, já para o início de janeiro, pequenos reparos estruturais, manutenção, limpeza e preparação das salas e equipamentos para receber as turmas em 2020. Dessa forma, o ano começa mais organizado desde os primeiros dias.

Com tanto trabalho pela frente, desejamos a você um ótimo fim de ano. E anote já na sua agenda: voltamos a publicar no Educador360 no dia 15 de janeiro!

4 Comentários. Deixe novo

  • Ronilce Sebastiana Gonçalves de Sá
    11/12/2019 18:18

    Boa tarde!
    Ótimas dicas. Se todos os gestores agirem assim, os problemas seriam menores. E a verdadeira gestão democrática ouve toda a comunidade escolar, com aceitação das críticas construtivas como deve ser o diálogo entre todos. Além disso tudo é importante a renovação dos gestores, muito importante a decisão do STF , pois a grande maioria dos diretores/coordenadores passam a vida toda revesando os dois cargos entre um mandato e outro. Que tenham uma maior consideração e respeitos pelos professores, pois estes vivem doentes por conta do mau tratamento por parte dos gestores.

    Responder
  • CLAYTON DA SILVA BRAGA
    13/12/2019 09:37

    Exceentes dicas. Muito bom👏👏👏

    Responder
  • CLAYTON DA SILVA BRAGA
    13/12/2019 09:37

    Excelentes dicas. Muito bom👏👏👏

    Responder
  • Josilene Cardoso de Lima Oliveira
    14/07/2020 13:01

    E muito bom a dica.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu